Notícias Saúde Mental
Base Científica e Publicado em Revistas e Jornais da Especialidade
O Impacto da Pandemia na Saúde Mental. Aprenda a lidar com os desafios Psicológicos. 

Idosos & Cuidadores & Pessoas com problemas de saúde subjacentes

Adultos mais velhos, especialmente isolados e com declínio cognitivo / demência, podem tornar-se mais ansiosos, irritados, stressados, agitados e retraídos durante o surto ou em quarentena. Fornecer apoio prático e emocional por meio de redes informais (famílias) e serviços de saúde profissionais.
 

Compartilhe factos simples sobre o que está a acontecer e forneça informações claras sobre como reduzir o risco de infecção em palavras que pessoas idosas com / sem comprometimento cognitivo possam entender. Repita as informações sempre que necessário. As instruções precisam de ser comunicadas de forma clara, concisa e de maneira respeitosa e paciente. Também pode ser útil que as informações sejam exibidas por escrito ou através de imagens. Envolver os membros da família e outras redes de apoio no fornecimento de informações e na ajuda a praticar medidas de prevenção (por exemplo, lavagem das mãos etc.).

Ficam alguns exemplos práticos:
 

  • Exercício físico (por exemplo, ioga, tai chi, alongamentos).

  • Exercícios cognitivos.

  • Exercícios de relaxamento (por exemplo, respiração, meditação, mindfulness).

  • Leitura de livros e revistas.

  • Reduza o tempo que é dispensado a ver imagens assustadoras na TV.

  • Reduza o tempo que dispensa a ouvir rumores

  • Pesquise informações de fontes confiáveis (site da DGS e OMS são dos principais a consultar).

  • Reduza o tempo que dedica a procurar informações (1-2 vezes por dia, em vez de toda hora).

 

Se tem uma condição de saúde subjacente, certifique-se quanto á disponibilidade dos medicamentos que usa no momento. Se necessário, ative os contactos sociais para fornecer assistência. Esteja preparado e saiba com antecedência onde e como obter ajuda prática, se necessário, como chamar um táxi, entrega de comida e solicitação de assistência médica. Certifique-se que tem pelo menos medicamentos em suficiência para 2 semanas.
 

Aprenda exercícios físicos diários simples para executar em casa, em quarentena ou isolamento, tal irá ajudar a manter a mobilidade e reduzir o tédio.
 

Mantenha rotinas e horários regulares o máximo possível ou ajude a criar novos num novo ambiente, incluindo exercícios regulares, limpeza, tarefas diárias, canto, pintura ou outras atividades. Mantenha contato regular com os que lhe são queridos (por exemplo, por telefone, email, redes sociais ou videoconferência).

 

Em Portugal, 1 em cada 4 Pessoas Sofre de Doença Mental. 

HOJE PRECISAMOS TODOS DE AJUDA

AJUDE AGORA, JUNTE-SE A NÓS. 

 

Já é Nosso Associado? Gostava de contribuir para a continuação do nosso trabalho?

Inscreva-se aqui.

AlertaMente: Associação Nacional para a Saúde Mental

Organização Sem Fins Lucrativos | NIPC: 514877430 | CAE Principal: 94995

© 2018 alertamente.org

All Rights Reserved​